RE: Como declarar os lucros isentos com vendas de ações no IRPF?

. . .

Oi pessoal. Por favor alguém sabe me dizer qual a forma correta de declarar no IRPF os ganhos isentos que tive na venda de ações?

Confesso que acho muito confusa a frase lá no programa: “Ganhos líquidos em operações no mercado à vista de ações negociadas em bolsa de valores nas alienações realizadas até R$ 20.000,00, em cada mês, para o conjunto de ações”

Para exemplo, imagine que em setembro tive um lucro de R$ 2500 e em novembro um lucro de R$ 1000, sendo que em ambos os meses o total de vendas foi inferior a 20k. No programa do IRPF não tem como discriminar o lucro por mês, então o correto seria somá-los e declarar o valor de R$ 2500?

Outra dúvida que tenho envolve estes lucros e também os prejuízos mensais. Até onde sei, se tive prejuízo em algum mês, devo lançá-lo no mês correspondente da aba Renda Variável – Operações Comuns / Day Tarde. Então, continuando o exemplo acima, se eu tivesse prejuízo de R$ 500 no mês de dezembro, eu lançaria -500 neste mês, mas isto interferiria no item de lucro? Ou seja, registraria ainda o lucro de R$ 2500 ou apenas R$ 2000 como lucro?

Já assisti a todos os vídeos de declaração de imposto de renda no Youtube, já procurei muito no Google e aqui no fórum sobre isso, mas até agora nada de clarear para mim. Até falei com dois contadores em quem não senti muita confiança… por isso atrasei minha declaração de IRPF desta vez. Se alguém puder ajudar, fico muito grato.

brunozambiazi Aprendiz Perguntado em em 12 de maio de 2021 Imposto De Renda.
Adicionar Comentário
1 Respostas
  • . . .

Boa tarde.

Para declarar rendimentos isentos no Imposto de Renda, siga os seguintes passos:

  • Acesse o campo “Rendimentos Isentos e Não Tributáveis”;
  • Selecione o item 18 para ganhos de capital com ações que não ultrapassem R$ 20 mil;
  • Em “Tipo de Beneficiário”, escolha “Titular” caso seja você o investidor;
  • Em “CNPJ da Fonte Pagadora”, preencha com CNPJ da instituição financeira;
  • No campo “Valor”, informe a soma total dos seus rendimentos recebidos.

    Para exemplo, imagine que em setembro tive um lucro de R$ 2500 e em novembro um lucro de R$ 1000, sendo que em ambos os meses o total de vendas foi inferior a 20k. No programa do IRPF não tem como discriminar o lucro por mês, então o correto seria somá-los e declarar o valor de R$ 2500?

    Você pode declarar os lucros separadamente, ou seja, para cada ativo ou mês fazer o lançamento em “Rendimentos Isentos e Não Tributáveis”. Exemplo:

Rendimentos Isentos e Não Tributáveis              

Tipo de Rendimento: 20 – Ganhos Líquidos em operações no mercado à vista…

 

Valor – 2500

 

Rendimentos Isentos e Não Tributáveis              

Tipo de Rendimento: 20 – Ganhos Líquidos em operações no mercado à vista…

 

Valor – 1000

O importante é que informe todos os lucros que teve.

 

 

Outra dúvida que tenho envolve estes lucros e também os prejuízos mensais. Até onde sei, se tive prejuízo em algum mês, devo lançá-lo no mês correspondente da aba Renda Variável – Operações Comuns / Day Tarde. Então, continuando o exemplo acima, se eu tivesse prejuízo de R$ 500 no mês de dezembro, eu lançaria -500 neste mês, mas isto interferiria no item de lucro? Ou seja, registraria ainda o lucro de R$ 2500 ou apenas R$ 2000 como lucro?

Não interfere no item lucro, ou seja, você declara o lucro que teve da mesma forma. E declara o prejuízo em Renda Variável – Operações Comuns / Day-Trade. 

A declaração do prejuízo vai servir para abater do imposto futuro quando tiver lucro em operação de mesma alíquota, e não tem relação com o lucro passado.

Investidor Respondido em 16 de maio de 2021.
Adicionar Comentário

Sua Resposta

Ao postar sua resposta, você concorda com a política de privacidade e ostermos do serviço.